O Mago

Melodia para o Mago

Rider Waite e The Lost Code of Tarot

O Mago é um jovem em pé simboliza a força dos músculos e energia física e do desejo. Ao usar às mãos simboliza as actitudes pessoais, onde ele absorve a energia criativa do universo com o bastão.

O infinito significa todas as possibilidades do universo. (este simbolo volta a aparecer na carta VIII, A Força.).

A capa vermelha simboliza a energia e ação, praticidade e estar fundamentado no mundo material. (este simbolo volta a aparecer nas cartas IV, O Imperador; V, o Hierofante; e XI, Justiça).

A bandana representa a mente e a intenção de manifestar os desejos.

O cinto da serpente à volta da cintura do mago é um símbolo do elemento do Mercúrio, o planeta dominante do mago (a sua atribuição astrológica). Para funcionar como um cinto, a serpente ou cobra deve de segurar o rabo na boca. Este é o símbolo alquímico do ouroboros, que, como o lemniscato, representa o infinito e a constante renovação – assim como a serpente muda de pele.

As rosas vermelhas simbolizam o amor e os lírios, a verdade do propósito. O mago age com pura intenção. (este simbolo das rosas volta a aparecer nas cartas III, A Imperatriz; no vestido do ajoelhado à esquerda da carta V, O Hierofante; as rosas também estão ao redor da cintura da donzela no VIII, A Força).

O fundo amarelo representa a consciência, visão clara e apoio. (esta cor volta a aparecer nas cartas III, A Imperatriz; VII, A carruagem; VIII, força; e XI, Justiça).

O Mago para criar o seu projeto ou a quinta essência, coloca sobre a mesa todas as possibilidades do mundo que é o símbolo dos quatro elementos. Para o Ar representa através da espada, a Água através da copa o Fogo através do pau/bastão/varinha e a Terra através do ouro/pentagrama.

A Varinha é o simbolo do poder mágico para usar no plano real. (este símbolo volta a aparecer na carta VII, A Carruagem e XXI, O Mundo).

O Mago é representado como uma figura humana, com uma mão apontada para o céu com a varinha e a outra apontada para o chão, é o canal de energia entre a Terra, da qual ele extrai com a mão esquerda para baixo e o céu, simbolizado pela posição da sua mão e da varinha levantada. Isso invoca o axioma espiritual “como acima, e abaixo”. O Mago é o “yang” (o principio masculino) e o próximo arcano, a Suma Sacerdotisa “ying” (o principio feminino).

É o início de qualquer atividade.

The Wild Unknown Tarot

Mitologicamente, o leopardo é conhecido por aparentar ter confiança e independência. Seshat, a antiga deusa egípcia que inventou a escrita, usava pele de leopardo.

Os leopardos são considerados criaturas poderosas e capazes. Este mago está orgulhoso e alerta; ele tem uma postura poderosa e seu olhar está focado. Ele está a avaliar ao seu redor tudo o que está  a acontecer. Atrár do leopardo tem raios de luz laranja e amarela – cores que transmitem energia e vitalidade ativas.

Os raios saem de um ponto distante, mostra uma concentração de energia que antes no Louco nao viamos, mas agora está disponível para o Mago. Isto aconteceu devido à  compreensão e conhecimento sobre as quatro ferramentas à sua frente, o ouro, copa, pau e espada. O Mago tem a capacidade de explorar e canalizar a energia infinita.

O símbolo lemniscate (o infinito) aparece no peito do leopardo. Veremos este símbolo em mais algumas cartas do tarô Wild Unknown (ele também aparece em várias cartas no Rider Waite). Às vezes, este símbolo é chamado de “infinito”, sugere algo que nunca termina. O tarô passa por diferentes gerações e diferentes interpretações artísticas e temáticas, mas a interpretação sempre é a mesma.

Os quatro naipes do baralho – espada, pentagrama (ouro), copo (cálice) e  a varinha – estão colocados à frente ao mago. O mago está em sintonia com a natureza dinâmica da vida, e esses quatro naipes são os emblemas dessa natureza dinâmica. As suas patas dianteiras estão sobre o pentagrama, a simbolizar a sua capacidade de pegar  nas matérias-primas e criar algo tangível (algo que sntimos ao toque, algo material).

Ele olha para a direita, uma direção que simboliza a atividade e consciência. Ele está pronto para fazer algo com intenção (sem stress).

O Mago mostra que tem o poder de direcionar a energia com sabedoria e confia nas suas habilidades. A maior habilidade é saber que é um criador habilidoso.

Palavras-Chave nos tópicos

Tempo– Janeiro ou daqui a um mês;

Tipo Físico- um jovem, falador e alegre;

Intensidade- algo de pequena intensidade;

Saúde- nariz, problema espiritual, má respiração;

A Cura ou o Equilíbrio- exercícios de respiração, consultar um médico novo;

Amor- nova relação amorosa, namorado, mentiras, imaturidade;

Dinheiro- o dinheiro é pouco, surge com novidades que vão chegar;

Profissões- uma atividade nova, variedade de opções o que é necessário fazer um teste vocacional e saber mais sobre as profissões para poder decidir, estudioso;

A Alma e as Mensagens- A alma está protegida embora não tem consciência da ligação que possui com as forças divinas. Vontade de aprendizagem em relação á espiritualidade, onde aprende com os erros, com as suas próprias experiências.  A alma solicita aprendizagem;

A Questão das Viagens- viajar para um lugar desconhecido, viagem curta;

A Questão dos Amigos e dos Inimigos- não é grande amigo ou inimigo, age como jovem ou imaturo;

Grau de Relacionamento- filho;

Para Respostas SIM ou NÃO- Sim 

Tarot na Música

O Mago na música
Bibliografia

Bartlett, S. (2015). A Biblia do Tarot. Nascente.

Dean, L. (2015). The Ultimate Guide to the Tarot. Fair Winds Press.

Fioravanti, Celina (2008), Tarot Mistico, Lisboa, Pergaminho

Mallon, C. (2018). The Unofficial Wild Unknown Tarot Card Meanings.

Naiff, N. (2015). Curso de Tarô. Rio de Janeiro: Nova Era.

Referência de Mídia

Duarte, J. (s.d.). A Jornada do Tarô [Gravado por J. Duarte]

Compartilhe o seu voto!


Gostou do post?
  • Fascinated
  • Happy
  • Sad
  • Angry
  • Bored
  • Afraid
Tarôt e a Questão da Reencarnação
2 - A Papisa ou A Sacerdotisa

Angélica Freitas

Uma Wiccan e Reikiana (Nivel 2) que estuda desde os 18 solitáriamente. Tem 23 anos. Licenciada em Ciências da Cultura, mestranda em Gestão Cultural. Obteve uma mestra na qual auxiliou/ensinou e aprofundou o básico. Gosta dos assuntos relacionados ao Occultismo. Seu maior sonho é viver das coisas que realmente gosta.

FEEDBACK